Banner
15
Out

Assembleia Legislativa homenageia protetores de animais em sessão solene

Imprimir
PDF

5b8f2cc99bcb37e77e8c01fe91ba833e

Os protetores de animais foram homenageados na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, nesta terça-feira (15). A solenidade teve como propositor o deputado estadual Sandro Pimentel (PSOL), o mesmo é o criador da Lei 10.520 que estabelece o dia 04 de outubro como o dia estadual do protetor de animais.

"Eu tenho muito carinho, respeito e admiração pelas pessoas que dedicam seu tempo para cuidar dos animais. Eu sou totalmente dedicado a qualquer causa que proteja e cuide dos animais, quem pensa que o animal não tem amor, não se emociona, não é grato é porque nunca conviveu com um animal. Eles têm vida assim como nós seres humanos e merecem toda proteção e cuidado", ressaltou Sandro Pimentel.

Durante discurso o parlamentar se emocionou por várias vezes ao falar de casos de maus tratos com os animais. Sandro Pimentel lamentou que o abandono dos animais venha da população e também muitas vezes do poder público. "O que fez a minha natureza de proteção aos animais aflorar foi quando eu visitei um jumentinho que foi resgatado das ruas de Natal e estava esfaqueado, por isso seria sacrificado. Eu não permiti que aquilo acontecesse. Ninguém sacrifica um humano quando é esfaqueado, logo, eu não poderia permitir que aquele jumentinho fosse sacrificado", relatou o deputado.

O parlamentar destacou que essa é a primeira solenidade que homenageia os protetores de animais e que a Assembleia Legislativa tem cada vez mais se dedicado as causas dos animais.

Falando em nome dos demais homenageados, Helder Clementino Pinto, relatou as dificuldades diárias que passam os protetores de animais, que auxiliam os animais de rua com os próprios recursos e auxílio financeiro de outras pessoas, numa corrente do bem, sem um apoio oficial por parte do poder público. "É uma caminhada dura. Eu vejo nosso trabalho como um trabalho de formiga. O poder público, que deveria ter a responsabilidade, fica esperando por nossas ações, mas é um dever de todos", disse.

Helder Pinto solicitou o apoio na forma de leis que normatizem o atendimento aos animais. E pediu ações do governo para a conscientização da população. "A população está precisando de esclarecimento. As pessoas jogam o animal na rua por uma simples sarna. Uma forma do poder público ajudar nesta causa seria na conscientização da população promovendo palestra e campanhas", disse ele.

O deputado Hermano Morais esteve presente na solenidade assim como o chefe de investigação da Deprema, Mario Luiz Pérsico de Almeida.

HOMENAGEADOS

Danielle de Araújo Bispo; Hélder Clementino Pinto; Hilana Maria Ubarana de Andrade; Larissa Soares Veloso; Marília de Vasconcelos Morais; Mário Luiz Persico de Almeida; Priscila Cristiane Bandeira de Melo; Rosângela Alves Fernandes; Rosângela Galvão Barbosa; Sandro de Alencar Soares e Vitória Vitório.

Banner_Queijeira_1950x300

Comentários (0)