Banner
25
Ago

Doenca-do-Beijo-afeta-criancas-afirma-especialista-730x400

Conhecida como a "Doença do Beijo", a Mononucleose Infecciosa deixa o alerta sobre o hábito de beijar os filhos pequenos. A saliva é a principal condutora do vírus Epstein-Barr (EBV) que ascende o alerta para outros meios de contágios também, como explica a pediatra do Hapvida Saúde, Dra Márcia Cavalcanti.

''A contaminação pode acontecer pela exposição à tosse ou espirro e até mesmo o compartilhamento de objetos pessoais. Mas, essas formas são bem menos constantes", esclarece. Para a médica, o ideal é evitar que tenham esse tipo de contato com crianças pequenas e sempre higienizar as mãos antes de pegá-las no colo. Dessa maneira, os riscos de transmissão serão reduzidos.

De acordo com a especialista, após o contato, o vírus fica incubado por cerca de quatro a oito semanas antes de se manifestar. ''Muitas vezes, a doença é confundida com uma gripe, pois a pessoa apresenta sintomas semelhantes, como febre, fadiga, dor e inflamação na garganta, dor de cabeça e sensação de mal-estar'', pontua.

Mas, na maioria dos casos, os indícios são leves, porém em crianças o quadro clínico pode se agravar e evoluir para uma infecção secundária, levando à necessidade de internação e acompanhamento médico.

"Ao apresentar o quadro de mononucleose, o indivíduo excreta o vírus até 18 meses após a infecção. Nesse período, ele pode infectar outras pessoas durante contato próximo ou prolongado", afirma a médica. O tratamento inclui repouso e uso de medicação para redução dos sintomas. "A avaliação da contaminação pode ser indicada em um hemograma, solicitado pelo médico que através da resposta sorológica vai indicar o melhor tratamento'', finaliza.

Com informações do Portal No Ar

autoescolar3a1banner

Comentários (0)
25
Ago

abceamerica

No Barrettão, em Ceará Mirim, Globo e ABC fizeram o duelo dos desesperados na Série C do Brasileirão. E quem se deu melhor – na medida do possível – foi o time visitante que, com gols de Wallyson e Jefinho, todos no segundo tempo, venceu por 2 a 0.

O resultado, no entanto, não foi o suficiente para livrar a equipe do rebaixamento. Na verdade, tanto Globo quanto ABC terminaram nas duas últimas colocações do Grupo A, o primeiro com 16 e o segundo com 18 pontos, e acabaram rebaixados para a Série D, divisão a qual o América está desde 2017. O Potiguar de Mossoró também disputará campeonato.

banersaomiguel

Comentários (0)
25
Ago

Walter-Alves-na-Comissao-de-Agricultura-30.08.17-730x400

Uma proposta de autoria do deputado federal potiguar Walter Alves (MDB), em análise na Câmara dos Deputados, determina que o Fundo Garantidor do Fies (FG-Fies) poderá ser usado também para subsidiar a renegociação dos contratos de financiamento estudantil. Atualmente, a Lei 10.260/01 – que criou o fundo – determina que os recursos sejam usados apenas para financiar os estudantes que ingressam em cursos superiores não gratuitos.

O Rio Grande do Norte tem mais de sete mil estudantes endividados com o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). O valor acumulado de pagamentos em atraso é de R$ 120 milhões. A quantia total contabiliza todos os débitos entre 1999 até 2019.

O estado é o 17º lugar em dívidas do Fies entre as unidades federativas. Em todo o Brasil, estão registrados 522.417 contratos inadimplentes. O saldo devedor total é de mais de R$ 10 bilhões.

Para o autor do Projeto de Lei (PL 10.320/18), às vezes, por conta de dificuldades econômicas e da falta de emprego logo após a diplomação, algumas regras dos financiamentos contraídos no âmbito do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies) deixam de ser cumpridas.

"Em situações como essas, é fundamental que seja criada uma espécie de válvula de escape para evitar a inadimplência por parte daqueles que efetivamente comprovem a impossibilidade de adimplir suas obrigações contratuais", diz Walter Alves, justificando a utilização de recursos do próprio fundo para renegociar contratos inadimplentes.

bannerfestajapi

Comentários (0)
25
Ago

amazonia

O Ministério da Economia aprovou, neste sábado (24), a liberação de R$ 38,5 milhões para o combate de queimadas na região da Amazônia. O descontingenciamento, segundo a pasta, atende a pedido feito na sexta-feira (23) pelo Ministério da Defesa e será imediato.

Em nota, o ministério diz que "está acompanhando a evolução do tema e tomará as providências necessárias, em conjunto com a Defesa, para atender plenamente o comando presidencial", citando o decreto de Bolsonaro que autorizou uso das Forças Armadas no combate aos incêndios.

Mais cedo, o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, havia dito que esperava um desbloqueio de R$ 28 milhões. O dinheiro foi reservado para ações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO), como é o caso do combate ao fogo na Amazônia.

"Esse dinheiro, se descontingenciar, dá para o início, para o primeiro mês", afirmou Azevedo e Silva. "Está combinado [o desbloqueio]. Eu estou numa fase que só acredito quando abro o cofre e vejo", completou na ocasião.

Com informações do G1

autoescolar3a1banner

Comentários (0)
23
Ago

ENCONTRO-SECRETARIOS001

O prefeito Ivanildinho reuniu, na tarde desta terça-feira (20), seus secretários para debater questões relacionadas à gestão municipal, com o objetivo principal de encontrar alternativas para reduzir as despesas do município. O encontro aconteceu na sala de reuniões da Prefeitura de Santa Cruz.

A preocupação do gestor municipal é justificada pela crise que afeta os municípios. A ideia é encontrar alternativas para amenizar os efeitos de um período com o envio de poucos recursos e pouca arrecadação, sem comprometer serviços essenciais da administração municipal.

No encontro com seus auxiliares, Ivanildinho externou sua preocupação com as sucessivas quedas nas receitas do município e ressaltou a necessidade de readequações no planejamento de todas secretarias para evitar despesas extras, sobretudo, nos próximos 60 dias, período considerado crítico para as finanças dos municípios potiguares.

Segundo Ivanildinho, as previsões para os próximos dois meses são extremamente desanimadoras com relação a principal fonte de arrecadação dos municípios, o Fundo de Participação dos Municípios (FPM). A cota mais recente do repasse é 25% menor em comparação com o mesmo período do ano passado. Ainda de acordo com Ivanildinho, os recursos anunciados recentemente de cerca de R$ 1,6 milhão, oriundos de emendas parlamentares, serão destinados exclusivamente para a saúde, nas áreas de média e alta complexidade, desta forma, não atendendo, assim, as necessidades orçamentárias de outros setores da administração municipal.

Para o prefeito de Santa Cruz, com medidas de contenção de despesas e empenho de todos que fazem a gestão, é possível ultrapassar esse período mantendo os serviços essenciais e com salários em dia dos servidores públicos.

banner_odontopremium

Comentários (0)
23
Ago

agosto-lilas-campo-redondo3

A Prefeitura de Campo Redondo, através da Secretaria Municipal de Saúde e do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), realizou nesta quinta-feira (22), palestra com o tema "Violência contra mulher, não tem desculpa!". A programação integra a campanha nacional "Agosto Lilás." O evento teve como público-alvo as mulheres atendidas pelo CRAS, CREAS, Criança Feliz, EJA, ESF e NASF, e foi realizada no auditório do Centro Administrativo.

A campanha "Agosto Lilás" lembra a data de sanção da Lei Maria da Penha, que completa 13 anos neste mês e tem como objetivo alertar as mulheres sobre seus direitos diante de situações de violência. No município diversas atividades e mobilizações estão sendo realizadas na defesa dos direitos da mulher e conscientização ao combate à violência nas unidades de saúde.

Dentro da programação uma apresentação cultural conduzida pelas alunas do EJA da Escola Municipal Angelina Aurina e Escola Municipal Aida Ramalho marcou a ocasião. A vice-prefeita Silvânia Karla, secretárias Simone Cortez (Educação), Karmen Marilia (Assistência Social), Adely Mayany (Administração), além da Coordenadora de Atenção Básica Jaquelani Araújo, Coordenadora do NASF Fabiana Kaline e os profissionais da estratégia saúde de família, técnicas de referência, assistente social Nayara de Nazareno — que também representou a poder Legislativo —, e diretores e coordenadores das escolas municipais, compareceram a cerimônia.

bannerfestajapi

Comentários (0)
23
Ago

banco-do-nordeste_logo

Ismael Souza, agricultor de Ouro Branco, no sertão seridoense, fez do Sítio Fechado modelo de sustentabilidade, com planta de energia solar e produção de hortaliças orgânicas. Da comunidade Sítio São José, município de Francisco Dantas, no alto oeste potiguar, Aquiles Fernandes trouxe a experiência de quem produz 300 litros de leite por dia com pastejo rotacionado e plantio de palma forrageira. Já a apodiense Merabe de Oliveira vestiu o último modelo de sua marca, as "Calças Brasil", para contar uma história de muito trabalho e sucesso.

Pela ordem, os três personagens são clientes do Agroamigo, Pronaf e Crediamigo do Banco do Nordeste, que entregou hoje, no restaurante Mangai Ponta Negra, em Natal, o XIII Prêmio BNB de Microcrédito e o V Prêmio Banco do Nordeste da Agricultura Familiar. Oito micro e pequenos empreendedores urbanos e rurais foram premiados, numa solenidade que contou com a participação de representantes das principais instituições, entidades e órgãos públicos que trabalham com o setor produtivo potiguar e que ajudaram na escolha dos premiados.

O evento é realizado anualmente em toda área de atuação do Banco e tem como finalidade reconhecer as iniciativas de sucesso entre os clientes beneficiados com os programas de Microcrédito Agroamigo e Crediamigo, e pelo Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

Alinhados com a missão do Banco do Nordeste, os programas de microfinanças já atenderam mais de 8 milhões de empreendedores rurais e urbanos com crédito rápido e orientado. No Rio Grande do Norte, de janeiro a julho deste ano, o Agromigo contratou R$ 72,7 milhões, em mais de 14 mil operações; enquanto o Crediamigo registrou quase 134 mil operações e R$ 324 milhões contratados.

No atendimento com o Pronaf, o Banco do Nordeste é líder na Região Nordeste, com mais de 735 mil clientes, possuindo uma carteira ativa, na posição de junho 2019, de R$ 4,79 bilhões. No Estado, já foram financiados projetos que somam R$ 11,6 milhões.

"A premiação expressa o reconhecimento do Banco do Nordeste e da sociedade, por meio das entidades parceiras, à garra e ao empreendedorismo de nordestinos e nordestinas homenageados. As linhas do Pronaf, Agroamigo e Crediamigo contribuem para a redução da desigualdade social e estimulam o desenvolvimento de nosso Estado", avalia o superintendente em exercício do BNB no RN, Thiago Dantas e Silva.

banersaomiguel

Comentários (0)
21
Ago

VACINACAO-CAESEGATOS-001

A campanha de vacinação antirrábica em cães e gatos foi iniciada em Santa Cruz nesta segunda-feira (19 de agosto) e segue até o dia 28 de outubro, com o "Dia D" da campanha previsto para o dia 28 de setembro.

Com a dificuldade dos laboratórios autorizados pelo Governo Federal para produzir e abastecer todos os municípios brasileiros, a campanha antirrábica esse ano acontece de forma seletiva, em municípios que atendam a alguns critérios técnicos.

O objetivo é imunizar casos de raiva animal, doença grave e incurável, em animais e em humanos, e que preocupa as autoridades em saúde.

Coordenada pela secretaria municipal de Saúde, através da Vigilância Ambiental, a campanha será desenvolvida utilizando a estratégia de vacinação "casa a casa", com as equipes de vacinadores visitando todas as residências da zona urbana, além de várias comunidades rurais, seguindo o cronograma elaborado pela coordenação da campanha.

Segundo dados do Ministério da Saúde, o número de animas a serem vacinados em Santa Cruz é de 10.395 entre cães e gatos.

Mesmo com a meta sendo atingir o mínimo de 80% dos animas aptos a receber a vacina, o município de Santa Cruz tem alcançado cobertura total além do que é preconizado e a expectativa é novamente alcançar índices positivos.

Banner_Queijeira_1950x300

Comentários (0)
21
Ago

mercadinhodesabou

O falecimento de um idoso, vítima do desabamento do teto de um mercadinho no Município de Santa Cruz, resultou na condenação do estabelecimento em indenizar a viúva com o valor de R$ 40 mil, a título de indenização dos danos morais causados sofridos. A condenação é da juíza Natália Modesto Torres de Paiva, da 2ª Vara daquela comarca, que considerou o estabelecimento responsável pelo fato ocorrido.

A autora ajuizou ação de indenização contra o Mercadinho Mandacaru visando a reparação de danos provocados por acidente que teve como vítima fatal o seu esposo. Ela afirmou que, em agosto de 2011, o senhor de idade foi até o Mercadinho realizar compras e que parte do teto desabou e uma viga caiu sobre a sua cabeça.

Ela narrou que a empresa tinha plena ciência sobre os riscos do desabamento, uma vez que seus proprietários sabiam que, ao lado, estava sendo realizada uma construção sem as devidas proteções que a Engenharia aconselha. Relatou que os responsáveis pelo estabelecimento questionaram o seu vizinho sobre os riscos destas construções e reformas. Por isso, pediu pela condenação do réu.

Defesa

O Mandacaru defendeu não ter legitimidade para responder a ação judicial, porque o responsável pelo dano seria o dono do estabelecimento ao lado do mercadinho, que não possuía o devido alvará de construção para a realização da obra.

Alegou, ainda, que mantém um contrato de locação do prédio onde está localizado o mercadinho desde 1º de março de 2010, que tem como proprietário outra pessoa. Assim, requereu a improcedência dos pedidos autorais.

Decisão

A magistrada Natália Modesto considerou que o Mercadinho Mandacaru é parte legítima para figurar como ré da demanda judicial, porque não é admissível seu entendimento de que é parte estranha à relação jurídica discutida no caso.

Ela explicou que esse seu posicionamento leva em consideração não somente a teoria da aparência, a qual é perfeitamente aplicável ao caso, de modo que aos olhos do consumidor médio o Mercadinho estava sendo administrado pela sua proprietária, independentemente de quem seja o proprietário do local.

Da mesma forma, explicou que, se o Mercadinho firma um contrato de locação, certamente o faz para administrar o seu negócio, auferindo lucro a partir dessa facilidade inserida no mercado de consumo e, portanto, deve responder pelos riscos advindos da falha ou falta na administração desse serviço, inclusive em relação às obras, reparações e/ou fiscalizações que poderiam evitar danos aos seus consumidores, o que inclui o próprio estabelecimento locado.

"Em outras palavras, perante o consumidor, é a parte ré a responsável pelo dano em questão, pois era quem exercia os cuidados quanto ao imóvel desabado, razão pela qual é parte legítima para figurar no polo passivo da presente demanda, a teor do que estabelece o art. 3º, caput, do CDC, restando ao réu exercer o seu direito de regresso", assinalou.

A partir das declarações tomadas pela autoridade policial, do laudo de exame necroscópico e dos demais documentos que foram anexados aos autos processuais, a juíza concluiu que o telhado do Mercadinho Mandacaru desabou, ocasionando a morte do esposo da autora.

Com informações da Assessoria do TJ/RN

bannerfestajapi

Comentários (0)
21
Ago

AO-PROFESSORES-002

O Núcleo de Apoio a Saúde da Família (NASF) iniciou uma ação que visa promover saúde para os professores da rede municipal de ensino. Os docentes vêm recebendo atendimento em saúde através da prática integrativa e complementar, com aplicação de auriculoterapia nos profissionais.

A técnica tem como objetivo a melhoria na qualidade de saúde dos professores, buscando diminuir o estresse existente em sala de aula com uma técnica que é reconhecida pela Organização Mundial de Saúde (OMS) que alivia as tensões do dia a dia.

A ação está sendo feita em cada professor para garantir que ele possa ter uma melhor qualidade de saúde para a prática do trabalho em sala de aula, além de acompanhamento dos profissionais do NASF para garantir que a saúde do professor esteja sempre sendo preservada.

De acordo com o coordenador do NASF, Franklin Bulhões, a ação busca garantir a saúde do trabalhador para que as atividades em sala de aula tenham melhores rendimentos, obtendo avanços no processo de ensino/aprendizagem em sala de aula.

As atividades acontecerão ao longo do ano na rede municipal de ensino.

AO-PROFESSORES-003

banersaomiguel

Comentários (0)