Banner
24
Nov

Lauro Maia teria cotas nos futuros lucros do Consorcio Inspar e intermediaria contato com o Governo

Imprimir
PDF

O blogueiros Marcos Dantas destaca em seu blog que, através de informações colhidas com o Ministério Público qual teria sido a participação de Lauro Maia (PSB), no esquema envolvendo o Consórcio Inspar. Lauro, que é filho da ex-governadora Wilma de Faria teria recebido promessa de vantagem indevida, através de cotas de participação nos futuros lucros do Consórcio, bem como de que receberia propina, no valor mensal de 10 mil reais de George Olimpio.

Há evidencias de que teria contribuído, decisivamente para a celebração do convenio irregular entre o IRTDPJ/RN e o DETRAN, aproveitando-se da peculiaridade de ser o filho da então governadora do Estado. Há evidencias de que a sua atuação na organização criminosa teria consistido em intermediar os interesses da "quadrilha" junto a membros do Governo e a própria governadora, tendo recebido de George Olimpio a minuta do projeto de lei, que redundou na Lei Estadual 9.270/09 e foi encaminhada à Assembléia Legislativa do RN.

brenobannernovo

Comentários (0)