Banner
21
Nov

Gilberto Cardoso e Hélio Crisanto se tornam imortais da Literatura de Cordel potiguar

Imprimir
PDF

gilberto_helio_imortais

A região Trairi conta agora com dois imortais da Literatura de Cordel. Os poetas Gilberto Cardoso e Hélio Crisanto firam eleitos na semana passada para a Academia Norteriograndense de Literatura de Cordel.

Por unanimidade, os escritores receberam a honraria dos demais integrantes da Academia. Foram abertas quatro vagas neste ano, em virtude de falecimento de integrantes do grupo e os poetas do Trairi se inscreveram na seleção e obtiveram a honraria.

Pela primeira vez, escritores da região Trairi participaram de uma academia de literatura e se tornaram imortais, em um gênero literário que vem atraindo adeptos a cada dia e ao lado de outros nomes importantes do nosso estado como Antônio Francisco, José Acaci e Xexeu.

Os poetas imortais da região Trairi tem se tornado referencia em Literatura de Cordel há algum tempo, servindo inclusive como peças de estudos para alunos universitários que pesquisam o Cordel como fonte para seus trabalhos em cursos de graduação e pós-graduação.

Gilberto Cardoso e Hélio Crisanto tomarão posse em seu assento na Academia Norteriograndense de Literatura de Cordel na primeira quinzena de janeiro, mas deverão realizar um evento em dezembro em Santa Cruz para apresentar um pouco da história que os levarão a integrar o seleto grupo de cordelistas potiguares.

autoescolar3a1banner

Comentários (0)