Banner
13
Sep

Por iniciativa do deputado Tomba Farias, Assembleia Legislativa dá título de Cidadão Potiguar a ex-pároco de Santa Cruz

Imprimir
PDF

WhatsApp_Image_2018-09-13_at_11.18.13

"É mais do que pertinente o título de cidadania potiguar que essa Casa concede ao padre Valtair, que tem como marca registrada a pregação da esperança e amor". A declaração é do deputado estadual Tomba Farias (PSDB), autor da proposição do título de cidadania norte-rio-grandense para o padre Valtair Lira Lucas, um paraibano que nos anos 80 adotou como a sua terra natal o Rio Grande do Norte, onde exerceu posições de destaque dentro da hierarquia da Igreja Católica Romana.

A solenidade contou com as presenças dos deputados Hermano Morais, Márcia Maia e Kelps Lima, além de convidados especiais, como o ex-vereador Assis Oliveira (diretor da Emproturn), Andréa Ramalho (Secretária Municipal de Políticas Públicas), vereadora Júlia Arruda, professor Marciano Furukava (UFRN), advogado Diógenes da Cunha Lima e o Arcebispo Metropolitano, Dom Jaime Vieira.

Diante de Plenário repleto de convidados, Tomba Farias fez um breve histórico da trajetória de vida do homenageado, que na década de oitenta mudou-se para a cidade de Parnamirim e chegou a trabalhar como comerciário nas Lojas Americanas, tornando-se em seguida professor concursado.

"Trata-se um homem simples, como os lírios do campo. É através da sua maneira peculiar de exercer o sacerdócio, que ele ganha a confiança e a amizade dos paroquianos", destacou o parlamentar.

Entre as funções exercidas no âmbito da Igreja Católica, padre Valtair foi pároco de Santa Rita de Cássia, em Santa Cruz, cidade natal do deputado.

Tomba Farias enfatizou que desde essa época acompanha o trabalho sacerdotal do homenageado, que, segundo ele, construiu uma história de fé e de missão pastoral no Rio Grande do Norte.

"Padre Valtair, o "Apóstolo do Sorriso", deixa uma marca diferenciada por onde caminha", ressaltou em seu discurso.

HOMENAGEADO

Por sua vez, o padre Valtair agradeceu a homenagem e destacou em breves palavras o seu amor pelo Rio Grande do Norte, "a terra que me acolheu". Ele recordou ainda a época em que conheceu Tomba em Santa Cruz e disse que iniciativa do parlamentar de construir o Complexo Turístico de Santa Rita de Cássia, obra que mudou o perfil da economia da região.

O sacerdote, na ocasião revelou o seu desejo que, quando chegar ao fim a sua missão na terra, ser enterrado em solo potiguar. Nas suas palavras, Valtair demonstrou a sua gratidão que nutre pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Jaime Vieira Rocha, que o acolheu no Seminário São Pedro no início da sua carreira sacerdotal.

Dom Jaime também falou ao público e ressaltou a satisfação que sente sempre que ouve referências elogiosas ao padre Valtair, cuja postura ética e a imagem de pastor comprometido são sempre destacadas pelos fiéis. O Arcebispo Metropolitano classificou como oportuna e feliz a iniciativa do deputado Tomba Farias como propositor da homenagem ao sacerdote.

carto_bem_estar

Comentários (0)