Banner
25
Jul

Ação policial liberta jovem sequestrado há 37 dias

Imprimir
PDF

Após uma ação de 45 minutos das policias Civil e Militar chegou ao fim o mais longo sequestro da crônica policial potiguar. No início da tarde de ontem (23), após 37 dias de cativeiro, o estudante Porcino Fernandes da Costa Segundo, Popó Porcino, foi resgatado em uma casa localizada na praia de Pitangui, litoral Norte. No confronto, um dos sequestradores foi morto, outro ferido e três, entre eles uma mulher, foram presos.

O sequestrador morto foi identificado inicialmente como José Erisvan, mais conhecido como Cabeça. Anderson de Souza Nascimento ficou ferido, foi levado para o Hospital Santa Catarina e passa bem, segundo informações apuradas até o fechamento desta edição. No local do cativeiro foram presos Paulo Victor Lopes Monteiro (25), que é filho de um coronel aposentado da Polícia Militar do Ceará, a namorada dele, Bruna de Pinho Landim (22). Em uma ação no Conjunto Pitimbu, a polícia prendeu José orlando Evangelista da Silva (42). De acordo com informações da polícia todos os sequestradores são naturais do Ceará.

Cerca de 40 homens participaram da operação de resgate que teve início às 10h30, momento em que chegaram ao local do cativeiro. Os policiais ficaram alguns minutos analisando a melhor estratégia para resgatar a vítima. A invasão da casa aconteceu por voltas das 11h da manhã da terça-feira.

Com informações da Tribuna do Norte

banner_odontopremium

Comentários (0)