Banner

Local

Sinpol emite nota contra acusações do Governo do Estado

Imprimir
PDF

O Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Rio Grande do Norte (Sinpol) rebate acusacoes sobre ilegalidade do projeto aprovado ano passado e acusa o Governo do Estado de tentar não pagar o plano dos servidores.

 

Em nota à imprensa, eles analisam a atitude do secretário-chefe do Gabinete Civil, Paulo de Tarso Fernandes, com relação ao pagamento do plano de cargos dos servidores e a ação judicial para decretação da ilegalidade da greve.  Vejas os trechos mais interessantes da nota:


É com muita indignação que acompanhamos o posicionamento deste Governo para com seus servidores. Depois da frustrada reuniãoe dasameaças de decretações de ilegalidade da greve, o secretário-chefe do Gabinete Civil, Paulo de Tarso Fernandes, tenta agora retirar ou no mínimo retardar, na Justiça, a conquista duramente conseguida por nossa categoria: nosso Plano de Cargos, que nos fez abrir mão de promoções não realizadas nos últimos 16 anos. 

O que este governo tenta fazer é algo inaceitável, para não dizer imoral. Isso mesmo: porque mentiu, no momento que disse ter intenção de efetuar os Planos, assim que saísse do Limite Prudencial. E como essa desculpa caiu após a comprovada denúncia de imoralautorização de Crédito Suplementar para pagar "verba paletó" aos Procuradores do Estado, agora, em entrevista à imprensa, deixa claro o que já suspeitávamos: não temeste interesse de cumprir os Planos de Cargos, ou seja, não pretende cumprir a Lei. Pelo contrário: considera ilegais e sem validade os planos de cargos e salários aprovados no ano passado, quer revogá-los, ameaçando levar a discussão para o Supremo Tribunal Federal, além de tentar retomar o debate na Assembleia Legislativa. 


O contraditório é que este mesmo secretário, na época assessor jurídico da Casa Legislativa, e o próprio vice-governador, Robinson Faria, que era o então presidente da AL, não consideraram tais planos ilegais antes. Agora, Paulo de Tarso diz que estudos em andamento vão indicar as opções que poderão ser oferecidas aos servidores nas negociações. E ainda assim "se depois desse quadrimestre, que termina em agosto, tiver convicção de que é possível corrigir essa ilegalidade"


AO GOVERNO UM AVISO: não vamos retroceder e, portanto, não avaliaremos outra opção que não seja o cronograma para a continuidade da aplicação da Lei Complementar 417/10, em vigor desde abril de 2010 e que em outubro passado teve iniciada sua implantação, e quevergonhosamente não teve sua implantação final em abril e maio de 2011 pelo governo atual, além da convocação dos aprovados no concurso da Polícia Civil. Esta será uma saída honrosa e que, certamente, reúne o anseio da sociedade. 

 

À POPULAÇÃO UMA CONVOCAÇÃO E UM ALERTA: o que esperar de um governo que demonstra tamanhodescaso com os servidores ecriminosodesrespeito com as Leis? E o que mais nos preocupa é que estamos apenas no começo desse governo, então fica a pergunta a cada cidadão: podemos admitir tamanha afronta? Ou devemosnos posicionar em defesa do que é justo, do que é certo, e do que é legal?

Comentários (0)

Chuvas devem deixar milho mais barato no RN

Imprimir
PDF

O atual preço de R$ 0,25 por espiga de milho deve cair nos próximos dias no Rio Grande do Norte. A informação é do presidente da Associação dos Supermercados do RN (Assurn), Geraldo Paiva.  O produto, geralmente comprado de produtores na região do Vale do Açu, deve aparecer com uma maior oferta este ano em vários municípios por causa das boas chuvas registradas no estado. 

 

"Trata-se de um produto muito forte nessa época, e que favorece bastante à agricultura familiar. Alguns produtores chegam a fornecer diretamente para supermercados e mercadinhos. E a grande parcela dessa produção vai para a Ceasa", explica Geraldo Paiva.

Comentários (0)

Instituto Nordeste Cidadania seleciona coordenadores para unidades do Agroamigo

Imprimir
PDF

O Instituto Nordeste Cidadania (INEC) recebe, até dia 24 de junho, currículos para o cargo de assessor coordenador em todas as unidades estaduais do Programa de Microcrédito Rural do Banco do Nordeste, o Agroamigo. O processo seletivo será realizado no dia 30 deste mês e contempla vagas para as cidades de Angicos, Apodi, Assú, Caicó, Currais Novos, Jardim do Seridó, Mossoró, Natal, Pau dos Ferros, Santa Cruz e Santo Antônio.

É desejável formação superior em cursos nas áreas de Administração, Economia ou afins, domínio de informática, experiência em gestão, vivência nas áreas de vendas, captação de clientes, negociação e cobrança.

Entre os benefícios oferecidos pelo Inec estão: salário base de R$ 702,35 mais situacional técnica, treinamentos, seguro de vida, auxílio alimentação, cesta básica, plano de saúde e odontológico.

Os currículos deverão ser encaminhados para os e-mails rh_agro_rn@inec.org ou isabelle.cm@inec.org.br , especificando para qual unidade o candidato deseja concorrer. Mais informações sobre o processo seletivo podem ser obtidas com Isabelle Magalhães ou Viviane Cândido, pelo telefone 4008-1868.

Com informações da Assessoria.

Comentários (0)

Melhor Gás e Água com produtos de qualidade

Imprimir
PDF

melhorgseguaSanta Cruz já tem o local para encontrar seu Gás e sua água mineral de qualidade: Melhor Gás e Água, revendedor Liquigás e Água Mineral Cristalina, a água que leva a imagem de Santa Rita de Cássia.

 

O nosso leitor já tem uma opção basta ligar e receber em casa com atendimento de qualidade e garantia de um ótimo produto para melhor contribuir em sua residência e ajudar em sua casa, garantindo gás de qualidade e bom rendimento e água mineral Cristalina, líder no mercado local.

 

Então é só ligar: 0800-2812564, (84) 3291-2564 ou (84) 99255969. Melhor Gás e Água, revendedor Liquigás e Água Mineral Cristalina seu local com ótima qualidade.

Comentários (0)

Prefeito de Tangará assina ordem de serviço de obra importante com grande participação popular

Imprimir
PDF

tangar1O prefeito de Tangará, Jorginho Eduardo (PSB), assinou na tarde de ontem a ordem de serviço de um trecho do calçamento que irá interligar o bairro Morado da Paz com o povoado Lagoa do Feijão.

 

A obra será realizada em três etapas distintas, sendo que a primeira, com previsão de 450 metros ainda não tem recursos garantidos. Como vem procedendo na sua administração o prefeito Jorginho sempre assina as ordens de serviços junto com o povo.


De acordo com o prefeito Jorginho, a obra é importante para o desenvolvimento da população. "Nós sempre trabalhamos pelo desenvolvimento de Tangará e esta obra é importante para que a população da Lagoa do Feijão tenha melhor desenvolvimento, por isto buscamos parceria e conseguimos esta importante obra para a população de Tangará", destacou o prefeito ao nosso Blog.


O prefeito ainda acrescentou que continuará lutando para conseguir mais obras importantes para a população. "Estamos sempre buscando um melhor trabalho para a população tangaraense e a resposta é sempre positiva, pois as pessoas estão vendo o bom trabalho que estamos realizando e continuaremos a realizar para a população de Tangará", avaliou o prefeito Jorginho Bezerra.


 

O valor do convênio é de R$ 99.561,01 (noventa e nove mil quinhentos e sessenta e um reais e um centavo). A fonte dos recursos financeiros: Convênio celebrado com o Ministério do turismo e contrapartida através do FPM,ICMS e Receita Tributária Municipal.

Comentários (0)