Banner

Política

Técnicos do Tribunal de Contas concordam com pedido de Kelps para evitar que Carlos Eduardo Saque a dinheiro dos Aposentados de Natal

Imprimir
PDF

kelpslimaTécnicos do Tribunal de Contas do Estado emitiram parecer favorável à ação que o deputado Kelps Lima deu entrada no TCE para evitar que o prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, saque o dinheiro dos aposentados do Município.

O parecer técnico foi solicitado pelo Conselheiro que vai julgar o caso, Tarcísio Costa, para embasar a decisão que ele vai tomar diante do pedido de liminar que Kelps fez ao Tribunal de Contas.

Para o deputado, a liminar se faz necessária como instrumento jurídico ágil e rápido diante da pressa de Carlos Eduardo em fazer o saque do dinheiro. Kelps acredita que a atitude do prefeito traga prejuízo ao sistema de previdência dos servidores da Prefeitura.

Os técnicos do Tribunal de Contas recomendam que o conselheiro Tarcísio Costa atenda ao pedido de liminar e suspenda o saque pretendido pela Prefeitura.

supercopia_ok

Comentários (0)

Ex-deputado João Maia cobrou propina de empreiteiras no RN, diz delator

Imprimir
PDF
JoaoMaia_BrasiliaO ex-deputado federal João Maia (PR) teria cobrado propina de empreiteiras contratadas pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) no Rio Grande do Norte, segundo a delação premiada do ex-chefe de Serviço de Engenharia do órgão, Gledson Golbery de Araújo Maia. A propina era cobrada em contratos de obras, manutenção e sinalização na malha viária federal no estado. O "custo político", como ele se referia à cobrança, era de 4% do valor total de cada obra, livres de impostos. Pelo menos nove empresas ou consórcios teriam dado propina ao político.

Em 2010, Gledson foi preso pela Polícia Federal na Operação Via Ápia, que investigou fraudes no Dnit potiguar. De acordo com Gledson Maia, o dinheiro arrecadado com o "custo político" foi usado na campanha eleitoral de 2010, quando João Maia acabou reeleito deputado federal, sendo o segundo mais votado no Estado.

O G1 procurou o economista e ex-deputado João Maia que disse que não iria se manifestar. "Não posso me manifestar por não ter recebido nada oficial", disse.

Gledson Maia foi preso em flagrante pela Polícia Federal potiguar em 4 de novembro de 2010 no momento em que recebia uma maleta com R$ 50 mil em um restaurante na Zona Sul de Natal. Segundo a PF à época, esse dinheiro também era pagamento de propina.

A delação de Gledson, iniciada em outubro de 2016 e concluída em janeiro passado, foi homologada pelos juízes das 2ª e 14ª Varas Federais do Rio Grande do Norte, onde tramitam processos decorrentes da Via Ápia. A delação foi acordada com o procurador da República Ronaldo Sérgio Chaves Fernandes.

Com informações do G1

autoescolar3a1banner

Comentários (0)

Tomba Farias integra comitiva potiguar na posse do novo presidente do TRF-5 em Recife

Imprimir
PDF

IMG-20170403-WA0169 O deputadoTomba Farias participou dá comitiva potiguar que prestigiou a posse do novo presidente do Tribunal Regional Federal (TRF-5), que aconteceu hoje em Recife. Tomou posse o desembargador Manuel Erhardt.

Além de Tomba Farias, da Assembleia Legislativa, foram a posse o presidente do Legislativo, deputado Ezequiel Ferreira, e os deputados Larissa Rosado e Dison Lisboa. O prefeito de Natal, Carlos Eduardo, também se fez presente ao evento.

Na solenidade, Tomba ainda teve encontros com o ministro das Cidades, Bruno Araújo, e o presidente do Senado Federal, Eunicio Oliveira. Nas rodas de conversa, o tom foi a necessidade de toda a sociedade, através dos poderes, se unirem para resgatar a credibilidade do país e a volta do crescimento com geração de emprego e renda.

IMG-20170403-WA0170

banner_carloschagas

Comentários (0)

Ao lado do ministro, Rafael Motta visita obras na BR-101 e na Reta Tabajara

Imprimir
PDF

visita_ministro__3O deputado federal Rafael Motta (PSB) participou na manhã de hoje (3) da visita do ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella, às obras federais na BR-101 e na Reta Tabajara. Rafael Motta, que é integrante da Frente Parlamentar de Engenharia, Infraestrutura e Desenvolvimento Nacional, ressaltou a importância das obras para o Rio Grande do Norte, sobretudo, no que diz respeito a mobilidade urbana e a segurança.

"As obras são muito importantes e são pleitos antigos da população. A visita do ministro Maurício Quintella foi muito importante, também, porque ele reafirmou que as obras na BR-101 estão garantidas graças a emenda coletiva que nós da bancada potiguar no Congresso destinamos", afirmou o parlamentar.

Ao lado do ministro, Rafael Motta participou do ato de liberação do segundo viaduto na BR – 101, no bairro de Emaús, em Parnamirim, e visitou as obras de túnel de Pium, também na BR - 101, e de duplicação da Reta Tabajara, em Macaíba.

arraiaradiobanner2017

Comentários (0)

No Uruguai, Rogério Marinho reafirma apoio ao fim do imposto sindical obrigatório

Imprimir
PDF

Rogrio_no_Uruguai_1O deputado federal Rogério Marinho (PSDB-RN), relator da comissão especial que analisa a modernização das leis trabalhistas na Câmara, reafirmou sua posição favorável ao fim do imposto sindical obrigatório. O parlamentar também criticou a alta quantidade de ações trabalhistas no Brasil e apresentou algumas sugestões para o setor.

Os posicionamentos do tucano foram expostos durante sua participação no painel de debate sobre a "Nova realidade nas relações trabalhistas", no 2º Simpósio Nacional de Varejo e Shopping, realizado pela Associação Brasileira de Lojistas de Shoppings (Alshop), em Punta de Leste, no Uruguai. O evento ocorreu entre sexta-feira (31) e sábado (01).

Ao defender o fim da contribuição sindical obrigatória, que passaria a se tornar opcional tanto para entidades de trabalhadores como patronais, Rogério foi aplaudido por uma plateia composta por centenas de empresários do setor de shoppings centers.

O relator da modernização das leis trabalhistas também acrescentou que é intenção do projeto voltar a fortalecer as juntas de conciliação, que perderam protagonismo em detrimento do Poder Judiciário. Na opinião do relator, a maior parte dos processos poderá ser resolvida, sem a necessidade de judicialização.

O Simpósio realizado no Uruguai reuniu diversas autoridades políticas do Brasil, como o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira. Também esteve presente o empresário potiguar Flávio Rocha, que comanda a Guararapes, gigante do setor têxtil. O evento ainda contou com os presidentes e CEOs das mais importantes empresas do varejo nacional, os principais grupos de Shopping Centers e entidades representativas do setor.

supercopia_ok

Comentários (0)