Banner

Assembleia Legislativa

Presidente da Assembleia vai reforçar pleitos para Canguaretama

Imprimir
PDF

assembleiapleitoscanguaretama

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), recebeu na manhã desta segunda-feira (6), os ex-prefeitos de Canguaretama Wellinson Ribeiro e João Careca que apresentaram uma pauta de reivindicações visando melhorias dos serviços públicos na cidade.

"Todos são pleitos justos. Alguns são reivindicados há anos e por várias gestões governamentais como a abertura da Central do Cidadão e ponte Sibaúma/Barra de Cunhaú", disse Ezequiel Ferreira destacando que os ex-prefeitos ainda retomaram melhorias nas área de segurança, saúde e educação. "Ações de constante preocupação do mandato. Temos feito requerimentos ao governo das áreas de segurança e saúde e na educação as reformas das escolas então em andamento", detalhou Ezequiel Ferreira.

Wellinson Ribeiro e João Careca reforçaram a necessidade da constante atividade parlamentar do deputado Ezequiel Ferreira em nome de Canguaretama para que os benefícios possam chegar ao importante polo do Litoral Sul e Agreste Potiguar. "Sem a união de lideranças como o deputado Ezequiel, as lutas em nome de Canguaretama seriam mais difíceis", relatou Wellinson Ribeiro, acrescentando que a abertura da Central do Cidadão instalada no primeiro andar de um prédio comercial, ainda na gestão Wilma de Faria precisa sair do papel e ser efetivada.

"A ativação nada mais é do que um auxílio à população que terá uma maior facilidade na resolução de seus problemas, que até então necessitam se deslocar ao município de Natal. Também beneficiará os comerciantes, haja vista o grande fluxo de pessoas de cidades vizinhas circulando diariamente no município de Canguaretama", disse Ezequiel.

carto_bem_estar

Comentários (0)

Solenidade em São José do Seridó marca centenário do município

Imprimir
PDF

assembleiasolenidadesaojose

Cem anos após sua fundação, ocorrida em 4 de novembro de 1917, o município de São José do Seridó celebrou na noite dessa sexta-feira (3), em sessão solene da Assembleia Legislativa, seu centenário, homenageando quem contribuiu para a construção da cidade e olhando para os desafios do futuro.

"É um orgulho tremendo ver aqui nesta plateia quem ajudou a construir São José do Seridó em diversas áreas, como desenvolvimento social, agricultura, gastronomia, saúde, política. Mas, orgulha-nos a todos, acima de qualquer coisa, vermos superados entreveros do passado, pois aqui se encontram aqueles que deixaram no passado a disputa política", registrou o propositor da solenidade, deputado Nelter Queiroz.

Com pouco mais de 4.500 habitantes, São José do Seridó remonta a 4 de novembro de 1917, quando foi criado o povoado que, tendo sido elevado a distrito em 1938, se emancipou politicamente em 1962. Com a expansão de sua atividade industrial, graças às facções têxteis, o município consegue gerar emprego, renda e tributos que voltam à comunidade, condição que faz a cidade frequentar o topo dos rankings de desenvolvimento humano.

"Somos referência em todo o Estado. Todo prefeito do Rio Grande do Norte sente certa inveja. Aqui temos emprego e renda. Temos um dos melhores indicadores sociais do Estado. É muito bom ainda vermos que divergências políticas foram superadas e estamos todos de mãos dadas pela cidade", celebrou o ex-prefeito Jakson Dantas, que foi um dos 30 homenageados da noite.

Atual prefeita da cidade, Maria Dalva, registrou que os índices alcançados por São José do Seridó só foram possíveis em razão da união. "As ideias que se opunham se agregaram com o propósito da melhoria de todos".

bannerpostagensumacasa

Comentários (0)

Projeto para contratação temporária de guarda-vidas tem pedido de vista na CCJ

Imprimir
PDF

al_projetovidasA presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), deputada Márcia Maia (PSDB) pediu vista do Projeto de Lei de autoria do Governo do Estado, que trata da contratação de Guarda-vidas, por tempo determinado para o Corpo de Bombeiros Militares, que estava na pauta de votação da reunião realizada nesta terça-feira (31).

"O Ministério Público fez uma recomendação ao Executivo no sentido de que a matéria fosse retirada da Assembleia Legislativa, por entender que a matéria é inconstitucional. Como o Governo não retirou nós precisamos analisar com profundidade esse projeto. Afinal, a pretensão é contratar civis para o Corpo de Bombeiros que tem poder de Polícia", justifica a deputada Márcia Maia.

De acordo com o substitutivo do projeto original que está tramitando na CCJ, por processo seletivo simplificado o número de contratados será de até 100 para cada período de atividades.

Outras duas matérias da pauta não foram votadas: a que disciplina o uso das águas interiores de domínio do Estado ou delegadas pela União para a prática de Piscicultura e a que altera o decreto legislativo que aprovou o convênio intermunicipal, de fixação de limites entre os município de Santana do Matos e Tenente Laurentino Cruz.

Na reunião plenária da Comissão, que contou com a participação dos deputados Kelps Lima (Solidariedade), José Adécio (DEM), Larissa Rosado (PSB), Albert Dickson (PROS), Márcia Maia e Carlos Augusto (PSD), foram aprovadas seis matérias. Entre elas a de iniciativa do Tribunal de Justiça do Estado que extingue 19 cargos de juiz auxiliar.

banner_carloschagas

Comentários (0)

Canguaretama: Ezequiel reforça necessidade de Central do Cidadão

Imprimir
PDF

ezequiel_assembleianovembro

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), requereu ao Secretário de Estado da Justiça e da Cidadania, Luis Mauro Albuquerque Araújo, solicitação para a reabertura da Central do Cidadão de Canguaretama, cidade a 67 quilômetros de Natal.

"A Central do Cidadão no município de Canguaretama foi instalada no primeiro andar de um prédio comercial, ainda na gestão Wilma de Faria, mas não foi ativada, ficando sem o devido uso o equipamento de grande alcance social", pontuou o deputado Ezequiel Ferreira se juntando a luta em favor da instalação da Central do Cidadão na cidade.

A ativação nada mais é do que um auxílio à população que terá uma maior facilidade na resolução de seus problemas, que até então necessitam se deslocar ao município de Natal. Também beneficiará os comerciantes, haja vista o grande fluxo de pessoas de cidades vizinhas circulando diariamente no município de Canguaretama.

Sendo um órgão de suma importância para o município de Canguaretama, tendo em vista que oferece diversos serviços a população, como: Sistema Nacional de Emprego - SINE, Procon/RN, Foto/Xerox, Banco Pag Fácil, Delegacia Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte - DRT/RN, e principalmente, ITEP, o Departamento Estadual de Trânsito – DETRAN, que requer maior espaço, já que vai disponibilizar todos os serviços como vistoria, teste para tirar habilitação, entre outros, a Central do Cidadão torna-se equipamento preponderante para auxiliar o setor de comércio e serviço da localidade.

banner_odontopremium

Comentários (0)

Assembleia vai a Macau e discute violência doméstica contra a mulher

Imprimir
PDF

alviolenciamacauDando continuidade à agenda de audiências públicas da Frente Parlamentar da Mulher pelo interior do Rio Grande do Norte, após percorrer a cidade de Assu, a Assembleia Legislativa promoveu novo debate nesta segunda-feira (30), desta vez no município de Macau. A audiência, proposta pela deputada Cristiane Dantas (PCdoB), discutiu a implantação de políticas públicas voltadas à defesa da mulher vítima de violência doméstica, oportunidade em que a Câmara de Vereadores local lançou a Frente Parlamentar Municipal em Defesa da Mulher Macauense.

"Estamos aqui tentando sensibilizar e conscientizar todos da necessidade de lutar pela dignidade das mulheres. Precisamos semear uma nova cultura de paz no RN e ela passa, impreterivelmente, pela igualdade de gênero, pela paz nos lares das famílias de Macau", destacou Cristiane.

A deputada lembrou a instalação da Frente Parlamentar da Mulher na Assembleia Legislativa, em agosto, e reforçou a importância do grupo para a efetividade de políticas públicas em defesa dessa parcela da população. "A Frente é um instrumento de empoderamento e luta pela autonomia econômica das mulheres potiguares, autonomia essa que implica em ações que articulem as diferentes esferas do poder público. E nessa luta é importante reunirmos força com vários setores e segmentos da sociedade. Por isso mesmo, aqui estamos para reunir forças em Macau na luta contra a violência doméstica", argumentou Cristiane Dantas.

Na oportunidade, a deputada defendeu a ampliação do projeto governamental 'Maria da Penha Vai às Escolas', além de ações eficazes no acolhimento das mulheres vítimas de violência, como a 'Sala Lilás', já existente no município. "Aproveito para cobrar da Prefeitura Municipal o efetivo funcionamento da Sala Lilás, inaugurada este ano, como também a criação de uma coordenadoria municipal de políticas para as mulheres. Iniciativas assim devem ser disseminadas, principalmente nas comunidades mais afastadas que carecem desse tipo de proteção para mulheres. A rede de assistência do município deve estar fortalecida para combater os casos de violência doméstica em cumprimento ao que determina a Lei Maria da Penha", declarou Cristiane.

Presente no debate, a secretária estadual de Políticas Públicas para as Mulheres, Flávia Lisboa, anunciou termo de cooperação com a Prefeitura Municipal visando à implantação do projeto 'Maria da Penha Vai às Escolas' na rede pública de ensino da cidade. "Esse projeto busca educar os nossos jovens para prevenir e coibir a violência contra a mulher, promovendo e divulgando a Lei Maria da Penha no âmbito escolar", explicou a secretária.

Representando a Defensoria Pública do Estado, a coordenadora do Núcleo da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar, Anna Lúcia Raymundo, defendeu a necessidade de uma mudança de cultura da sociedade para que se possa combater e exterminar a violência doméstica. "Salvem as mulheres de Macau. Tirem as mordaças de suas bocas. Que elas falem e nunca se calem!", clamou a defensora pública.

Responsável pela Frente Parlamentar Municipal em Defesa da Mulher, instalada durante o evento, a vereadora Conceição Lins (PSD) reforçou o papel do fórum criado. "A Frente precisa da colaboração de todos para mudarmos a realidade em que vivemos no tocante aos direitos da mulher em situação de risco. O fórum não medirá esforços para atingir seus objetivos", afirmou a vereadora.

Também presente na audiência pública, o deputado Souza (PHS) enalteceu a atuação de Cristiane Dantas em favor dos direitos das mulheres e reforçou a necessidade do engajamento feminino para a implementação de políticas voltadas à mulher. "É fundamental que as mulheres se envolvam cada vez mais nessa luta em defesa de seus direitos", falou o parlamentar.

A secretária do Trabalho, Habitação e Assistência Social de Macau, Andrea Lemos, discorreu sobre as ações que vêm sendo desenvolvidas pela pasta e defendeu a necessidade de maior colaboração entre entes para a efetivação da Sala Lilás. "A sala existe, mas ainda é preciso somar esforços para de fato efetivarmos o acolhimento à mulher vítima de violência na Sala Lilás", comentou, anunciando que irá buscar alternativas para suprir o atendimento diante do impasse envolvendo o pleno funcionamento da Sala.

A audiência pública contou com a presença de vereadores, gestores e profissionais das áreas jurídicas, de saúde, educação, assistência social e segurança pública, além da sociedade civil.

banersaomiguel

Comentários (0)