Santa Cruz começa a vacinar pessoas com 18 anos ou mais a partir desta segunda (16)

A Prefeitura de Santa Cruz inicia hoje (16) a vacinação dos adultos jovens com 18 anos ou mais.

A aplicação das vacinas ocorre em dois horários: a partir de 13h30 nas Unidades Básicas de Saúde ou a partir das 17h no Centro de Apoio Rural, no prédio da antiga Escola Municipal Rita Nely Furtado, vizinho ao IESC.

Os jovens devem ir a estes locais cedo, pois a quantidade de doses é limitada.

Essa é a última faixa etária de adultos dentro da Campanha de Vacinação contra a Covid-19. A partir de agora, quando chegar remessas, adultos de qualquer idade pode ir se imunizar contra o Coronavirus.

Santa Cruz se aproxima dos 70% da população adulta vacinada contra a Covid-19.

banneraljulho

Prestes a completar um ano de funcionamento, leitos de UTI Covid de Santa Cruz são mantidos pela Prefeitura sem ajuda do Governo do Estado há 09 meses

Prestes a completar um ano de seu funcionamento, a Prefeitura de Santa Cruz vem mantendo sozinha, apenas com ajuda da habilitação do Ministério da Saúde, há quase nove meses a manutenção dos leitos de UTI Covid do Hospital Municipal Aluízio Bezerra.

Para abertura dos 05 leitos de UTI Covid, o Ministério Público exigiu uma pactuação com prefeituras da região e Governo do Estado, com prazo de três meses, que durou de setembro a novembro do ano passado.

Neste período, Governo do Estado e algumas prefeituras do Trairi cumpriram o que foi determinado.

Mas, desde dezembro de 2020, a gestão municipal tem custeado os leitos de UTI Covid com recursos próprios e do Governo Federal, que mantém os leitos habilitados junto ao Ministério da Saúde.

O Governo do Estado simplesmente não fez mais repasses e não ajuda na manutenção dos leitos há quase nove meses, mesmo sendo de sua responsabilidade a alta complexidade, e mesmo os leitos de Santa Cruz recebendo pacientes de várias partes do Estado.

Este ano apenas um repasse foi feito pelo Governo do Estado de um recurso destinado pelo Ministério da Saúde para manutenção de leitos de UTI.

A falta de compromisso da gestão Fátima Bezerra com Santa Cruz chama atenção, em um município onde ela sempre recebeu grande quantidade de votos e carinho da população.

Resta saber se agora o Governo do Estado, que passa a transformar os leitos de UTI Covid em leitos de UTI gerais, vai ajudar a custear os leitos de UTI de Santa Cruz, ou se mais uma vez vai esquecer a região Trairi e seus mais de 100 mil habitantes.

banneraljulho

Coronel Ezequiel e Tangará são primeiros municípios do Trairi a baixar faixa etária para 18 anos na Campanha de Vacinação contra a Covid-19

Os municípios de Coronel Ezequiel e Tangará sao os primeiros da região Trairi a baixar a faixa etária para 18 anos, dentro da Campanha de Vacinação contra a Covid-19.

Com a diminuição, a medida que novas vacinas cheguem a esses município, qualquer pessoa acima de 18 anos pode ser vacinada.

Além deles, Sítio Novo começará na próxima segunda-feira (16) a vacinar pessoas acima de 20 anos.

Segundo as redes sociais das prefeituras da região, Campo Redondo está vacinando público com 24 anos ou mais, Santa Cruz com 25 anos ou mais, Jaçanã com 27 anos ou mais e Lajes Pintadas 30 anos ou mais. Demais municípios não tem informações atualizadas.

A Campanha de Vacinação contra a Covid-19 vem avançando nos municípios da região. Até setembro, toda a população adulta brasileira deve ser vacinada com ao menos uma dose do imunizante contra a Covid-19.

banneraljulho

Campo Redondo amplia projeto de saúde com atendimentos especializados

A Prefeitura de Campo Redondo segue o Projeto de Atendimento de Especialidades Clínicas. Esta semana a especialidade oferecida durante o atendimento foi ultrassonografia. A ação marca uma série de mudanças que a Secretaria Municipal de Saúde tem realizado para diminuir demandas antigas na cidade.

O atendimento da ultrassonografia, com médico Dr. Marcelo, aconteceu na última segunda-feira (09) e acolheu mais de trinta pacientes. De acordo com Kylvia Twiza, secretária municipal de saúde, outros profissionais estão sendo contatados e novas especialidades serão oferecidas.

Para o prefeito Renam Luiz, que também é médico, a idéia é ampliar o atendimento ao longo do tempo. "Vale salientar que o fluxo para atendimento com o ultrassonografista, se da inicialmente através da Unidade Básica de Saúde de sua área, onde posteriormente será encaminhado ao Setor de Regulação da Secretaria da Saúde para, em seguida, atendimento com o profissional", explicou.

banneraljulho

Com procura reduzida, Prefeitura de Santa Cruz confirma mudança do Centro Covid para o Hospital Municipal Aluízio Bezerra a partir de segunda (16)

A Prefeitura de Santa Cruz vai mudar a sede do Centro Covid para o Hospital Municipal Aluízio Bezerra. A informação foi confirmada pela secretária de saúde, Myllena Ferreira, em entrevista à Rádio Santa Cruz AM.

Segundo a secretária, a baixa procura pelo serviço, motivada pelo novo cenário da Pandemia, com aumento da vacinação, e a pequena quantidade de pessoas que procuram o hospital atualmente, motivaram a mudança.

Além disso, a Prefeitura de Santa Cruz vai voltar a usar todos os espaços esportivos para incentivar à população a prática de atividades físicas.

A mudança do Centro Covid ocorre na próxima segunda-feira (16). Os serviços serão os mesmos, com atendimento médico, testagem e inicio do tratamento medicamentoso. A entrada do serviço será na lateral do Hospital, já que a entrada principal continua sendo para urgência respiratória.

O Centro Covid já realizou mais de 20 mil atendimentos em pouco mais um ano de funcionamento e mudou a realidade da Pandemia em Santa Cruz, ajudando a salvar vidas, oferecendo o tratamento inicial contra o Coronavirus no município.

banneraljulho

Campanha de Vacinação contra a Covid-19 continua em Santa Cruz com faixa etária 25 anos ou mais

A Campanha de Vacinação contra a Covid-19 continua hoje (12) em Santa Cruz.

As vacinas estarão disponíveis em todas as Unidades Básicas de Saúde, a partir de 13h30. Ainda será disponibilizado o horário extra a partir das 17h no Centro de Apoio Rural, que funciona no prédio da antiga Escola Municipal Rita Nely Furtado, vizinho ao IESC.

A faixa etária continua 25 anos ou mais.

banneraljulho

Secretaria de Educação apresenta tema do Desfile Cívico 2021 e gestores escolares discutem novo formato do evento

Uma reunião entre os técnicos da Secretaria Municipal de Educação e gestores escolares aconteceu na tarde da última sexta-feira (06) para discutir o tema do desfile cívico 2021, bem como o novo formato que o evento terá nesta edição. A Prefeitura Municipal pretende realizar o tradicional desfile no Estádio Iberezão, como o projeto piloto (teste) para os próximos anos.

A coordenadora pedagógica de Secretaria Municipal de Educação, Adelma Costa, destacou os esforços para realização do desfile em novos moldes, com os decretos sanitários em vigor. “A Prefeitura tem feito um trabalho maravilhoso, garantindo todas as condições em um protocolo de biossegurança para receber nossos alunos e público para resgatar o desfile cívico. Depois de um ano de pandemia, com muitas incertezas e medos, esse desfile de 2021 vai nos trazer esperança para dias melhores em nossas escolas e comunidade como um todo”, disse.

O tema escolhido foi: “O SER HUMANO EM APRENDIZADO CONSTANTE: Da vida, de si, dos valores e da ciência”, que foi apresentado pela secretaria, além de uma palestra do professor mestrando, Rafael Oliveira, que abordou com mais detalhes o tema escolhido.

O engenheiro da Secretaria de Obras, Matheus Guedes, trouxe para os gestores o resultado do estudo feito pelo setor técnico, em parceria com a Secretaria de Esportes, para elaboração da infraestrutura do evento, com melhorias a serem feitas no Estádio Iberezão. “Por incrível que pareça, a extensão do novo trajeto, na pista de atletismo, será a mesma que em anos anteriores na Rua Dr. Pedro Medeiros, um total de 400 metros. Uma das inovações deste ano é o ponto de concentração, que será no Centro de Treinamento, com estrutura adequada para receber os estudantes, professores e equipes do desfile”, destacou.

O próximo passo para articulação do desfile serão as reuniões entre os gestores escolares e os pais dos alunos, além da articulação da Secretaria de Educação para garantir todas as condições necessárias para o desfile. O setor de obras irá executar também melhorias no Estádio Iberezão, como pinturas, criação de novos ou alargamento de portões de acesso, e conduzir todo o protocolo de segurança para o dia do evento.

Participaram da reunião a equipe da secretaria, o professor Erivan Justino, equipe administrativa Solange Farias, o maestro Camilo Henrique Dantas, além dos gestores das escolas da rede municipal de ensino.

banneraljulho

Terça do Direito: ALTA DO IGP-M E POSSIBILIDADE DE REVISÃO DOS CONTRATOS IMOBILIÁRIOS

O IGP, ou Índice Geral de Preços, é um índice de variação de preços calculado pela Fundação Getúlio Vargas. Por ser mais abrangente, ele engloba os preços ao consumidor (IPC), preços ao produto (IPA) e custo de construção (INCC). O IGP-M (Índice Geral de Preços - Mercado) é calculado mês a mês, levando em consideração o dia 21 do mês anterior ao de referência ao dia 20 do mês de referência. Essa abrangência de vários fatores que envolve o mercado de consumo permite que o IGP-M varie de acordo com a estabilidade ou instabilidade do mercado.

O IGP-M é o principal índice de reajuste de vários contratos, desde contratos de locação à contratos de parcelamento imobiliários. Normalmente, para este último, as parcelas são calculadas observando os índices de IGP-M mais juros remuneratórios.

De julho de 2020 a julho de 2021, o IGP-M apresentou alta acelerada atingindo a maior alta histórica desde o implemento do plano real. Só no mês de julho de 2021, o IGP-M acumulou 15,98% no ano e de 33,83% em 12 meses. Maio de 2021 foi o mês que mais sofreu alta.

Para se ter uma ideia, num aluguel de R$ 800,00 reais o reajuste com base no IGP-M dos últimos 12 meses chegará a R$ 1.094,45. Já um financiamento imobiliário, considerando os juros de 1% ao mês, uma prestação de R$ 500,00 passará para R$ 766,20, uma alta de mais de 50% do valor.

Outro índice que calcula as variações de preços no País é o IPCA. Até julho de 2021, o IPCA acumulava 8,99% no acumulado de 12 meses. Bem mais baixo que o IGP-M. Mês.mo o IPCA sendo o índice oficial do governo, vários contratos assumem o IGP-M como índice para corrigir seus preços.

Fato é que essa alta incomum e inesperada do IGP-M gerou um impacto assustador para os contratos que sofrem sua incidência. Consumidores e locatários se viram numa alta assustadora de seus aluguéis e prestações de imóveis. O que iniciou um movimento para buscar renegociar esses reajustes, seja diretamente com os locadores, no caso de aluguéis, ou empresas imobiliárias quando se trata de parcelamento de imóveis, seja terrenos ou casas.

O Poder Judiciário é outro ator nessa discussão, a recusa em negociar esses índices levaram os contratantes a buscarem, no judiciário, uma solução justa e equilibrada, valendo-se do que dispõe a legislação brasileira.

A teoria da imprevisão é um forte argumento jurídico, previsto no sistema jurídico brasileiro, que pode ajudar os contratantes a substituírem o IGP-M por outro índice que melhor suporte os impactos negativos decorrentes da pandemia do COVID-19.

Ainda que não haja firmamento dos tribunais estaduais pacificado sobre a temática, é possível encontrar decisões de magistrados deferindo estes pedidos para substituir o IGP-M pelo IPCA. Diminuindo, assim, os reajustes das parcelas dos financiamentos imobiliários e os aluguéis de imóveis.

Há bastante espaço para discussão, argumento e formação do convencimento dos juízes. É uma discussão justa que encontra respaldo no ordenamento jurídico brasileiro. A negociação consensual entre os contratantes é sempre a melhor opção para manter a boa relação do contrato, porém, não sendo possível a resolução por esse meio, é cabível o ajuizamento de uma ação judicial, pugnando pela substituição do índice.

ALYSON ALVES DE LIMA. Advogado. Mestre em Direito pela UFRN. Servidor Público. Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

banneraljulho

Santa Cruz registra 23 casos em uma semana, uma das mais tranquilas neste ano na Pandemia

Santa Cruz teve 23 casos confirmados em uma semana, uma das mais tranquilas neste ano, durante a Pandemia de Coronavirus.

Segundo dados obtidos com os Boletins Epidemiológicos da Secretaria Municipal de Saúde, no período de 1° a 7 de agosto, foram confirmados 23 casos de Coronavirus em Santa Cruz.

O número é um dos menores já registrados esse ano, mostrando um maior controle da Pandemia na capital do Trairi.

Além disso, o número de internados no Hospital Municipal Aluízio Bezerra é um dos menores do ano, com três pacientes internados, e cada vez menos pacientes suspeitos tem sido registrados diariamente.

Com grande adesão das pessoas, a vacinação tem sido a maior arma para minimizar os casos de Covid-19 em Santa Cruz.

Prefeitos e lideranças da base do deputado Tomba Farias declaram apoio a Benes Leocádio, que diz que Fátima Bezerra é governadora com tempo contado

Dezenas de prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e lideranças políticas integrantes da base eleitoral do deputado estadual Tomba Farias (PSDB) participaram na noite desta quarta-feira, dia 04, de um evento em prol da pré-candidatura do deputado federal Benes Leocádio (Republicanos) ao governo do Estado. A reunião, que contou ainda com lideranças da FEMURN, aconteceu no município de Tangará, na fazenda do parlamentar estadual, que tem o sugestivo nome de “Novos Rumos”. Foi justamente a proposta de ‘novos rumos’ para o Rio Grande do Norte a principal tônica do discurso do pré-candidato.

Benes Leocádio disse que Fátima Bezerra foi eleita com a expectativa de se tornar uma governadora que atendesse aos anseios populares, mas que não conseguiu fazer não só obras, como qualquer ação que a população esperava dela. "Uma das questões mais delicadas é a insegurança do nosso estado e as dificuldades na resolutividade na área de saúde. Se deixou a desejar na execução de obras e nas políticas públicas, com certeza é uma governante com tempo contado", ressaltou.

Benes disse ainda que os "novos rumos que o Rio Grande do Norte precisa trilhar" fortalece a sua luta. "Eu não sabia da denominação da fazenda, mas esse encontro de vários amigos, de vários municípios, sob a liderança de um municipalista nato, que é o deputado Tomba, sinaliza que podemos estar traçando um grande projeto para o bem do Rio Grande do Norte", assinalou.

Em suas palavras, Tomba Farias destacou que a eleição de Benes como governador representa o fortalecimento do municipalismo e a oportunidade de colocar o Rio Grande do Norte nos trilhos do desenvolvimento. O parlamentar enfatizou que o atual governo não tem obras para apresentar e que a paralisia da atual gestão colocou o estado em ampla desvantagem no cenário econômico diante de estados vizinhos, inclusive com relação a Paraíba que anteriormente tinha o Rio Grande do Norte como referência de desenvolvimento, principalmente no setor de turismo. Tomba Farias destacou ainda o trabalho do ministro Rogério Marinho a favor do Rio Grande do Norte e do Nordeste brasileiro.

Os prefeitos presentes desatacaram Benes Leocádio como um "profundo conhecedor" das necessidades dos municípios. Para o advogado Ivanildo Ferreira (Ivanildinho), prefeito de Santa Cruz, a expectativa do sucesso eleitoral do pré-candidato é a melhor possível. "O estado precisa de um governador que conheça a realidade dos municípios para que a gente possa alavancar a economia do Rio Grande do Norte. Fátima Bezerra não pode se considerar uma governadora de férias de forma nenhuma, pois vai ter um adversário forte para derrotar esse governo e fazer o estado sair da situação de caos total. Benes conhece conhece o estado, conhece suas lideranças e os problemas de cada região. Então, eu acho que ele tem potencial de crescimento", disse.

Já o prefeito de Tibau do Sul, Valdenício Costa, enfatizou que Benes é um nome que sempre esteve ao lado dos prefeitos e conhece como ninguém o sentimento do povo do Rio Grande do Norte. Ele destacou que a governadora Fátima Bezerra não pode se considerar reeeleita, "Numa campanha, a gente sabe como inicia, mas não sabe como termina. Um exemplo foi Bolsonaro, que iniciou uma eleição considerada difícil e de repente teve um desempenho surpreendente e hoje é o presidente do Brasil. Em 1986, João Faustino era considerado um governador de férias e no final quem foi eleito foi Geraldo Melo. Benes é um homem digno, trabalhador e que vai transformar o Rio Grande do Norte que precisa de um administrador", disse o prefeito.

Na opinião do prefeito de Arez, Bergson Iduino, que já apoiou Benes na última campanha para deputado federal, o que falta hoje para os prefeitos é um governo que tenha olhares para os municípios e seja parceiro. "Eu vejo em Benes uma pessoa que pode mudar o Rio Grande do Norte, já teve cinco mandatos de prefeito e desempenha muito bem o mandato de deputado federal. É disso que precisamos, de um governador parceiro que ajude os municípios", assinalou.

FONTE: Assessoria de imprensa do deputado Tomba Farias

Screenshot 20210804 195402 324

Screenshot 20210804 195417 894 

Login Form